Espalhe por Whatsapp

A origem dos nomes dos times da NBA

Ricardo Romanelli
Ricardo Romanelli

Você com certeza já deve ter ficado curioso sobre a origem dos nomes das franquias da NBA, e provavelmente até já pesquisou a origem de alguns deles. Neste especial, trazemos a origem de todos eles:

Atlanta Hawks

Image title

O Hawks foi fundado em 1948, na National Basketball League. Na época, era uma franquia pensada para as cidades de Moline e Rock Island (Illinois) e Davenport (Iowa), um grupo de três cidades que formam uma única região de influência conhecida como Tri-Cities. A região onde estas três cidades estão situadas é marcada pela histórica Guerra de Black Hawk, nomeada em homenagem ao lendário chefe indígena Black Hawk, da tribo Sauk, e então o time foi batizado como Tri-Cities Blackhawks. Posteriormente, a franquia se mudou para Milwaukee (1951), e o nome foi encurtado para Hawks, que se manteve nas mudanças para St. Louis (1955) e Atlanta (1968), onde se mantém até hoje.

Boston Celtics

Image title

Fundado em 1946, na Basketball Association of America, o Celtics teve seu nome escolhido pessoalmente por seu fundador e primeiro dono, Walter Brown. Whirlwinds, Olympians e Unicorns eram outros nomes especulados, mas Brown escolheu Celtics pela forte presença de imigrantes irlandeses na comunidade de Boston, elegendo o famoso leprechaun com a bola de basquete como logo. Muitos conselheiros supersticiosos de Brown, na época, argumentaram que os símbolos irlandeses poderiam trazer azar, mas ele ignorou e o Celtics é hoje o maior campeão da NBA, tendo mantido o mesmo nome e logo desde 1946. Isso que é confiança.

Brooklyn Nets

Image title

A franquia começou em 1967, na American Basketball Association, como New Jersey Americans. Na temporada seguinte, o time se mudou para New York, e mudou o nome para New York Nets, fazendo referência às redes na cesta de basquete (em inglês, “nets”), e também pela similaridade sonora com o nome do New York Jets, popular franquia da NFL na cidade, numa tentativa de atrair simpatizantes. O time retornou a New Jersey em 1978, mantendo o nome, e se mudou para o Brooklyn em 2012 com a mesma identidade.

Charlotte Hornets

Image title

O Hornets tem uma história um pouco confusa. A franquia original com este nome foi fundada em Charlotte, em 1988. Na época, os donos da equipe chegaram a anunciar que o time se chamaria Charlotte Spirit, mas a comunidade local não gostou do nome que associava a equipe a um canal de TV religioso que estava sob investigação por arrecadações fraudulentas entre seus fiéis. Assim, os donos do time resolveram promover um concurso para dar nome ao time, e o apelido Hornets ganhou de lavada de outras opções como Knights, Cougars, Spirit, Crowns, e Stars. O nome tem origem histórica: durante a Guerra da Independência dos EUA, um comandante inglês teria dito que a região de Charlotte parecia um ninho de vespas (hornets) em rebelião.

A franquia se mudou para New Orleans em 2002, e a cidade de Charlotte ganhou outro time em 2004, o Charlotte Bobcats. Em 2013, o time de New Orleans passou a se chamar Pelicans, e o Bobcats adotou o nome Hornets, que tinha muito mais apelo junto a seus fãs, pelo histórico na cidade.

Chicago Bulls

Image title

O dono original do Bulls, Richard Klein, queria um nome que remetesse ao papel de Chicago como a principal cidade do mundo em produção de carne bovina. O nome Bulls (touros) acabou pegando, e muitos também dizem que Klein admirava a força e a dureza do animal. Matadors e Toreadors também foram nomes considerados, mas o time acabou se chamando Chicago Bulls, de 1966 até os dias de hoje. O tradicional logotipo também é o mesmo desde a fundação.

Cleveland Cavaliers

Image title

Em 1970, quando o time de Cleveland se preparava para estrear na NBA, os donos promoveram uma votação para escolher o nome mais agradável a seu público. Jays, Foresters, Towers e Presidents foram outros nomes considerados, sendo que o último fazia alusão ao fato de que sete ex-presidentes dos EUA nasceram no estado de Ohio. Jerry Tomko, que sugeriu Cavaliers no concurso, explicou que Cavaliers (cavalheiros) significava “um grupo de homens audaciosos e sem medo, cujo pacto de vida era nunca se render, não importa quais as probabilidades de vencer”.

Dallas Mavericks

Image title

Uma estação de rádio em Dallas patrocinou um concurso para criar um nome para a franquia, em 1980, e os nomes mais bem votados e avaliados foram submetidos ao dono do time, Donald Carter. Além de Mavericks, Wranglers e Express compuseram a lista tríplice. Ele considerou que Mavericks (maverick = uma pessoa independente e não convencional) representava o estilo independente e extravagante da população de Dallas. Os fãs que sugeriram este nome ganharam ingressos para o primeiro jogo do Mavericks.

Denver Nuggets

Image title

O time de Denver começou as atividades em 1967, na American Basketball Association, como Denver Rockets. Em 1976, com a fusão entre ABA e NBA, a franquia precisou mudar de nome, pois compartilhava o mesmo apelido do Houston Rockets, que já fazia parte da NBA. O termo “nuggets”, em inglês, significa pepitas (de ouro) e foi escolhido como referência ao passado rico em mineração da cidade de Denver.

Detroit Pistons

Image title

O tradicional time de Detoit começou em Fort Wayne (Indiana), em 1941, onde o time era conhecido como Fort Wayne Zollner Pistons, em alusão a Fred Zollner, dono do time e fabricante de pistões automotivos. De quebra, o mascote era esse simpático robô com um “Z” no peito. Quando a equipe se mudou para Detroit, em 1948, manteve o nome Pistons, já que era perfeito para uma franquia na capital automotiva do mundo.

Golden State Warriors

Image title

O time, hoje sediado em Oakland (Califórinia), nasceu em 1946 bem distante dali, como Philadelphia Warriors. O nome foi escolhido como homenagem a outro Philadelphia Warriors, um time que havia sido parte da extinta American Basketball League, nos anos 1920. O Warriors foi vencedor da primeira temporada da Basketball Association of America, em 1946-47, e manteve o nome após mudanças para San Francisco (1962) e Oakland, como Golden State Warriors (1971).

Houston Rockets

Image title

O time foi originalmente fundado em San Diego (1967), e o nome “Rockets” (foguetes) era uma referência ao slogan da cidade, “Uma cidade em movimento”. Também aludia ao fato de que havia uma fábrica de foguetes na cidade, e isso era algo bastante visado e importante numa época de corrida espacial e guerra fria. Em 1971, a franquia se mudou para o Houston, e o nome se manteve porque a cidade é a sede da NASA, a agência espacial americana, fazendo o nome da franquia se tornar ainda mais significativo.

Indiana Pacers

Image title

A cidade de Indianapolis tem uma grande tradição automobilística, sendo sede do autódromo mais famoso do mundo e da prova de corrida mais tradicional que existe, as 500 Milhas de Indianapolis. Em alusão a isso, em 1967, os investidores originais da franquia decidiram escolher um nome que fazia referência a isso. A palavra “pace” significa ritmo, e é um termo bastante utilizado em corridas, pois o ritmo de cada carro é muito importante, além do famoso “pace car” ser o carro que entra na pista em situações onde é necessária cautela após bandeira amarela. Sendo assim, “Pacer” é aquele que dita o ritmo, e é isso que a franquia de Indiana desejava impor a seus adversários com o nome, que se mantém até hoje.

Los Angeles Clippers

Image title

O Buffalo Braves se mudou para San Diego em 1978, e os donos da franquia desejavam mudar o nome do time. Escolheram “Clippers” por ser um tipo de navio que era popular no Século XIX, já que a cidade de San Diego era conhecida pelos grandes navios que passavam por sua baía. Em 1981, Donald Sterling comprou o time e o relocou para sua cidade natal, Los Angeles, mantendo o nome adotado em San Diego.

Los Angeles Lakers

Image title

Em 1947, um grupo baseado em Minneapolis (Minnesota) comprou o Detroit Gems e o levou para sua cidade. Minneapolis é conhecida como “A cidade dos 10 mil lagos”, pela grande quantidade de lagos naturais presentes na região. “Laker” seria alguém do lago (lake), e quando a franquia foi comprada e removida para Los Angeles, em 1960, o nome foi mantido pela tradição vencedora da equipe, já que o Lakers foi pentacampeão da NBA em Minneapolis.

Memphis Grizzlies

Image title


O time nasceu em 1994, como Vancouver Grizzlies, num projeto de expansão da NBA para o Canadá que também trouxe o Toronto Raptors para a liga. Um jornal local promoveu um concurso para nomear o time, e Grizzlies, uma espécie de urso comum na região, foi escolhido, com Ravens sendo outra opção considerada. Em 2001, o time se mudou para Memphis e a FedEx, que tem sede na cidade, estava preparada para pagar US$ 100 milhões ao Grizzlies para mudar seu nome para “Express”, mas a NBA vetou a mudança e o time permanece com sua alcunha original até hoje.

Miami Heat

Image title

Em 1986, um concurso entre fãs foi promovido para selecionar o nome do futuro time de Miami. Sharks, Tornadoes, Beaches e Barracudas foram considerados, mas Heat (calor), sugestão da fã Stephanie Freed, foi o preferido entre 20 mil opções, fazendo alusão ao clima da cidade.

Milwaukee Bucks

Image title

A região de Milwaukee possui grande tradição na caça de cervos (bucks), e por isso a escolha do nome foi bastante aceita desde o princípio. Apesar disso, Robins e Skunks foram outras opções consideradas.

Minnesota Timberwolves

Image title

O nome também foi escolhido em concurso na fundação da franquia, em 1986, e Timberwolves foi finalista junto com Polars. A primeira opção foi a escolhida, após votação em diversas regiões da cidade. Blizzard foi, na verdade, o nome mais popular do concurso, mas a franquia queria algo mais vinculado ao estado de Minnesota e excluiu esta opção. Minnesota é o único local abaixo da latitude 48 a ter uma matilha livre deste tipo de lobo, então a identificação foi grande.  Tim Pope, o primeiro fã a sugerir o nome, ganhou uma viagem para o All-Star Game da NBA.

New Orleans Pelicans

Image title

O time veio originalmente de Charlotte, com o nome Hornets. Em 2012, Tom Benson comprou o time e decidiu mudar o nome para algo com maior identificação com a região. Krewe e Brass foram opções consideradas, mas Pelicans acabou escolhido pelo fato do pelicano marrom ser a ave símbolo do estado da Louisiana.

New York Knicks

Image title

A palavra “knickerbockers” representa um tipo de calça que se usava com a barra enrolada abaixo do joelho, bastante utilizada por imigrantes holandeses que se mudaram para a América nos anos 1600. Muitos deles foram morar na região que hoje é New York, onde o cartoon “Father Knickerbocker” se tornou um dos símbolos da cidade. Em 1845, o primeiro time de baseball da cidade utilizou este nome, que foi novamente lembrado em 1946, quando a cidade recebeu sua franquia na Basketball Association of America. A lenda diz que Ned Irish, fundador da equipe, tomou a decisão de nomear o time desta forma após sortear dentre vários papéis dentro de um chapéu. Ao longo do tempo, o nome foi encurtado para Knicks pela facilidade de grafia e pronúncia.

Oklahoma City Thunder

Image title

A franquia nasceu da mudança do Seattle SuperSonics, em 2007. Uma lista com 64 alternativas foi compilada para votação popular, e Thunder ganhou de Renegades, Twisters e Barons. O nome foi muito bem aceito pela comunidade local pela imagem de força e poder que um trovão (thunder) traz.

Orlando Magic

Image title

O Orlando Sentinel, tradicional jornal da cidade, promoveu um concurso para criar nomes para a então franquia em expansão, em 1989. Challengers, em alusão ao ônibus espacial que havia se acidentado em 1986, foi a opção mais votada. Floridians, Juice, Orbits, Astronauts, Aquamen e Sentinels também foram alternativas populares, mas o time decidiu por Magic para ter um nome associado à Disney World, icônico parque de diversões presente na cidade.

Philadelphia 76ers

Image title

Em 1963, o Syracuse Nationals se mudou para a Philadelphia, e o nome 76ers foi escolhido para homenagear a Declaração de Independência dos EUA, que foi feita na cidade da Phildelphia, em 1776.

Phoenix Suns

Image title

Jerry Colagenlo, GM da franquia em expansão em 1968, utilizou opções de um concurso de nomes para escolher a marca da fraquia. Scorpions, Rattlers, e Thunderbirds foram opções também consideradas no concurso, que recebeu 28 mil sugestões. Alternativas estranhas como White Wing Doves, Sun Lovers, Poobahs, Dudes, e Cactus Giants também foram enviadas. No final, o nome Suns foi escolhido para fazer alusão ao sol escaldante no deserto do Arizona, e o fã a quem foi atribuída a sugestão recebeu mil dólares e ingressos para a toda a temporada como recompensa.

Portland Trail Blazers

Image title

O Blazers também nasceu de um concurso entre fãs, em 1970, com mais de 10 mil sugestões. Pioneers foi o nome mais popular, mas foi descartado porque a Lewis & Clark College, na mesma região, já usava a alcunha para seus times. Trail Blazer é um termo derivado de “trail blazing”, a atividade de desbravar trilhas em matas desconhecidas. Harry Glickman, promotor esportivo que participou da criação do time, dizia que o nome representaria a fundação de uma nova tradição esportiva na região do noroeste do pacífico. O nome, inicialmente,  não foi muito bem aceito pela comunidade local, mas acabou caindo no gosto popular como apenas “Blazers”. O logo do time, de duas cores de dez traços entrelaçados, representa dois times com cinco jogadores cada, como numa quadra de basquete.

Sacaramento Kings

Image title

A franquia nasceu como Rochester Royals, em 1945. O time manteve a identidade ao se mudar para Cincinnati, em 1957, e finalmente se transformou em Kings ao mudar para Kansas City-Omaha Kings, em 1972, através de um concurso de nomes. A franquia acabou se tornando apenas Omaha Kings na sequência, e manteve o nome ao se mudar para a capital da Califórinia, onde permanece desde 1985.

San Antonio Spurs

Image title

Um grupo de investidores comprou o Dallas Chaparrals da American Basketball Association, em 1973, com a intenção de levar a franquia para San Antonio. Após um concurso popular, mais de 500 alternativas foram propostas. Aztecs e Judges foram considerados, mas Spurs (esporas) acabou escolhido pela grande tradição da cidade em rodeios. Como coincidência ou não, Red McCombs, um dos principais investidores, nasceu na cidade de Spur (Texas).

Toronto Raptors

Image title

Quando a franquia se preparava para participar da NBA, em 1994, seus donos promoveram uma pesquisa em todo o Canadá para colher ideias. Bobcats e Dragons foram alternativas levadas em consideração, mas Raptors acabou escolhido pela popularidade do filme Jurassic Park na época.

Utah Jazz

Image title

A franquia nasceu em New Orleans, em 1974, cidade que é muito conhecida pela música Jazz. Quando mudou para Salt Lake City (Utah), em 1979, o time decidiu manter o nome, que perdura até hoje. Na fundação original, em New Orleans, outros nomes foram considerados, como Dukes, Crescents, Pilots, Cajuns, Blues, Deltas e Knights. Deltas, particularmente, seria um bom nome para a franquia em Utah, já que a Delta Airlines possui um grande hub por lá.

Washington Wizards

Image title

O time nasceu como Baltimore Bullets (balas de munição), em 1963, se transformando em Capital Bullets (1973) e posteriormente Washington Bullets (1974), quando se mudou para a capital dos EUA.

No começo dos anos 90 a conotação com balas de munição começou a ficar negativa devido a uma escalada da violência com armas de fogo. Abe Pollin, dono do time, passou a se preocupar mais com esta questão após o primeiro ministro de Israel e seu amigo pessoal Yitzhak Rabin ser assassinado.

O time então promoveu um concurso de nomes, que incluiu sugestões como Dragons, Express, Stallions e Sea Dogs. A franquia, que originalmente era de Chicago, também já se chamou Packers e Zephyrs.

Dá um play e confira o que rola no nosso som!