Espalhe por Whatsapp

NBA: Paul George questiona críticos após fim da série entre Clippers e Suns

Renato Campos
Renato Campos
01 de Julho

Depois de lutar por semanas, o LA Clippers foi eliminado dos Playoffs da NBA na noite desta quarta-feira. Chris Paul e o Phoenix Suns derrotaram Paul George e o Clippers no jogo 6 das finais da Conferência Oeste, avançando para as finais da NBA pela primeira vez desde 1993.

Foi necessário um esforço sobre-humano de Chris Paul no jogo 6, marcando 41 pontos e distribuindo oito assistências sem turnovers em 16 de 24 arremessos, sendo 7 de 8 dos três pontos.

Paul George fez tudo o que pôde pelos Clippers, liderando seu time por pontos, rebotes, assistências e minutos jogados por uma ampla margem. Sua esforço na pós-temporada, levando a franquia à sua primeira aparição nas Finais de Conferência, apesar de não ter Kawhi Leonard nas últimas duas semanas, foi um longo caminho para se redimir aos olhos do público.

Ainda assim, ele nunca entendeu por que foi tão criticado.

A narrativa de eu não ser um jogador de pós-temporada, eu nunca entendi isso. Eu sou a mesma pessoa. Eu lidei com tudo, como todos aqui. Nada me torna diferente de ninguém. E eu sei que não consegui atingir meu objetivo novamente.

Kawhi Leonard sofreu uma torção no joelho durante o jogo 4 das semifinais da Conferência contra o Utah Jazz. Ele perdeu os últimos oito jogos da pós-temporada e nunca pareceu muito perto de retornar. Infelizmente, o Clippers não conseguiu ir longe o suficiente sem ele.

George acredita que se Leonard estivesse saudável, as conversas que estão acontecendo agora seriam muito diferentes.

“Oh, estaríamos no páreo”, confirmou Paul George. “Esta série teria sido muito diferente. Você está falando sobre a saída de um dos melhores jogadores da liga e ainda assim estávamos a centímetros de chegar à próxima rodada, então definitivamente é um 'e se', mas a verdade é que simplesmente não fizemos o suficiente. ”

Confira o novo tênis de Paul George: Nike PG 5

O Clippers agora entra em uma offseason com um pouco de incerteza. Enquanto Paul George está com contrato pelos próximos anos, Kawhi Leonard, Nicolas Batum e Reggie Jackson vão atingir a agência livrer com grandes decisões a tomar. George espera desempenhar um papel nessas negociações de recrutamento.

“Um dos compromissos que assinei foi mostrar que estou aqui para longo prazo. Definitivamente, vou tentar o meu melhor para recrutar os caras e isso é tudo que posso fazer. ”

Fique por dentro

A triste declaração de Rick Rubio anunciando sua aposentadoria da NBA

Basta! A NBA não pode tolerar mais atitudes como essa de Draymond Green

NBA se posiciona sobre o retorno de Ja Morant às quadras

Acompanhe o Hoop78

No Instagram

No Spotify

Curta o som Hoop78!