Espalhe por Whatsapp

Giannis Antetokoumpo aponta maior erro do Bucks no primeiro jogo das finais da NBA

Renato Campos
Renato Campos
07 de Julho

Giannis Antetokounmpo teve um retorno bastante decente para seu Milwaukee Bucks no Jogo 1 das Finais da NBA, mas ele sabe que poderia ter se saído melhor. Afinal, o Bucks perdeu por 118-105, com Giannis nada bem na defesa.

The Greek Freak admitiu que teve dificuldades em ajudar a defesa do seu time. O que tornou a tarefa ainda mais difícil para Antetokounmpo é o fato de que o Suns tem vários criadores de jogo inteligentes liderados pelo próprio Point God, Chris Paul.

Giannis disse que as trocas de marcação do Bucks torna difícil seu trabalho quando ele pode impactar o jogo como um defensor. É uma leitura mais desafiadora para aquele momento em que a defesa precisa improvisar uma troca de maração. Giannis também mencionou quantos criadores de jogo inteligentes o Suns têm.

Giannis terminou o jogo com 20 pontos, 17 rebotes, quatro assistências, duas roubadas de bola e um toco. Ele foi crítico para o Milwaukee, já que eles conseguiram se manter próximos no primeiro tempo, antes que o Suns assumisse o controle e gradualmente aumentasse sua vantagem nos últimos 24 minutos do jogo.

Apesar de seus números sólidos, no entanto, é verdade que o jogo teria sido muito mais disputado se Giannis e o resto do Bucks tivessem feito um trabalho melhor na defesa. Simplificando, o Suns conseguiu imprimir seu ritmo ofensivo durante todo jogo e o Bucks não conseguiu se ajustar bem.

Resta saber como Giannis e companhia resolverão seus problemas defensivos no Jogo 2, mas pelo menos o Bucks sabe no que precisam trabalhar para roubar uma vitória na estrada antes de voltar para casa.

Giannis Antetokounmpo conta o seu maior medo após derrota do Bucks para o Suns no Jogo 1 das Finais da NBA

Não há dúvidas que Giannis Antetokounmpo e o Milwaukee Bucks não estão felizes por terem sido derrotados no Jogo 1 das Finais da NBA contra o Phoenix Suns. Mas só o fato do Greak Freak estar em quadra, pra eles já foram um baita resultado positivo.

Giannis falou abertamente sobre sua recuperação do joelho hiperestendido que sofreu contra o Atlanta Hawks nas finais da Conferência Leste. O jogador de Bucks claramente não queria colocar muito foco em seu problema persistente no joelho, mas no final de sua resposta sobre a lesão, Giannis admitiu que até ele pensava que tudo estava acabado naquele momento.

“Quando a jogada aconteceu, pensei:‘ Vou ficar fora por um ano ’”, revelou a estrela do Bucks. “Estou muito feliz que dois jogos depois estou de volta.”

Assistindo ao vídeo da lesão, poucos esperavam que Giannis fosse jogar tão cedo. O lance fez parecer que a lesão poderia tê-lo mantido de fora por meses, senão um ano inteiro. E, ainda assim, felizmente, apenas uma semana depois, ele voltou para colaborar com seu time e deixar as finais mais interessantes em uma temporada marcada por All-Stars lesionados.

O Bucks terá uma série difícil contra o Suns e eles precisam de Giannis Antetokounmpo para estar em quadra em todos os minutos possíveis. Mas, ao mesmo tempo, você não pode sobrecarregá-lo e colocá-lo em risco de uma lesão ainda pior.

Devin Booker manda recado para o resto da NBA sobre a conquista do Suns até aqui

Embora o Suns seja agora o atual campeão da Conferência Oeste e esteja a caminho das finais da NBA, alguns críticos apontaram que eles tiveram um caminho relativamente fácil, considerando as lesões de seus adversários. Devin Booker, no entanto, não poderia se importar menos com o que essas pessoas andam dizendo.

O Suns jogou e derrotou o Lakers, Nuggets e Clippers para garantir a passagem para as finais. No entanto, todas essas equipes tiveram lesões significativas, com o Lakers jogando sem Davis, Nuggets sem Murray e o Clippers sem Kawhi Leonard.

Para Booker, porém, ele enfatizou que eles estão de olho no objetivo final e que não estão preocupados em justificar o que eles tem feito.

"Não estamos aqui para justificar o que estamos fazendo a mais ninguém"

Para ser justo com o Suns, as lesões fazem parte do jogo - pergunte a Chris Paul sobre isso. Manter-se saudável faz parte dos desafios dos exaustivos playoffs, e o fato de que eles são capazes de evitar que seus jogadores tenham qualquer problema de saúde significativo fala muito sobre o foco e o cuidado que colocam em seus corpos.

Também não podemos culpar o Suns por se manterem saudáveis, certo? Além disso, eles perderam o CP3 por algum tempo nas Finais Oeste devido ao COVID-19, mas isso não os impediu de ganhar.

Pode haver muitos "e se" para algumas equipes que sofreram lesões significativas, mas não há como negar que o Suns jogou duro e merece estar nas finais da NBA.

Top Histórias

A lição que Steve Nash deu a Kevin Durant tendo LeBron James como exemplo

Trae Young agora faz parte de clube seleto de LeBron James

Klay Thompson tem ótimas notícias para todos os torcedores da NBA

O maior erro dos eliminados Lakers, Nets e Hawks nos playoffs da NBA

Caso de racismo na ESPN durante as finais da NBA vem à tona

Fique por dentro

O que a troca por Dejounte Murray representa para Hawks e Spurs

NBA: Stephen Curry é um dos cinco melhores jogadores de todos os tempos?

Bradley Beal decidiu seu futuro para a próxima temporada da NBA

Acompanhe o Hoop78

No Instagram

No Spotify

Curta o som Hoop78!